ESPAÇO MEMÓRIA

As nossas histórias

A nossa história não se faz só com os objectos, com as coisas materiais. Também se faz com o imaterial, com as nossas experiências de vida, com aquelas situações cómico-trágicas que de algum modo a todos nos aconteceu.

Se tem destas histórias, ligadas à sua actividade profissional, e que possa e queira partilhar, faça-as chegar até nós.

Envie-nos a sua história

Partilhe a sua experiência connosco.

    O seu nome (*)

    O seu e-mail (*)

    O seu telefone (*)




    Todos os campos assinalados com (*) são de preenchimento obrigatório.

    Histórias partilhadas 

    ACONTECEU HÁ 80 ANOS …. (2)

    ACONTECEU HÁ 80 ANOS …. (2)

    AS NOSSAS HISTÓRIAS … O CASAMENTO DAS TELEFONISTAS (parte 2) Os primeiros casamentos Em outubro de 1940 chegava ao fim o regulamento interno da APT que impedia o casamento das telefonistas ao seu serviço. Quando esse dia chegou muitas delas sentiram-se livres para, finalmente, poderem dar o nó sem...

    read more
    TELEFONE COLUNA

    TELEFONE COLUNA

    Uma fotografia datada de 1975, encontrada nas redes sociais, serviu de mote para manter uma interessante conversa com uma das suas protagonistas

    read more
    SER TELEFONISTA NA CONSOADA

    SER TELEFONISTA NA CONSOADA

    Uma fotografia datada de 1975, encontrada nas redes sociais, serviu de mote para manter uma interessante conversa com uma das suas protagonistas

    read more
    TELEFONE ESCONDIDO COM A FICHA DE FORA

    TELEFONE ESCONDIDO COM A FICHA DE FORA

    AS NOSSAS HISTÓRIAS Um colega nosso, já falecido, contava, com agraça que lhe era peculiar dado o seu bom sentido de humor, algumas histórias por si vividas. Lembro-me de uma que me ficou na memória, relacionado com uma reclamação de chamadas. Contava ele que, nos inícios dos anos 70 do século...

    read more
    ACONTECEU HÁ 80 ANOS ….

    ACONTECEU HÁ 80 ANOS ….

    AS NOSSAS HISTÓRIAS … O CASAMENTO DAS TELEFONISTAS (parte 1) Durante décadas, as telefonistas da APT, no ato de admissão na Companhia, eram informadas das condições essenciais: ter entre dezasseis e vinte anos, a instrução primária concluída, ter pelo menos um metro e meio de altura, um bom...

    read more
    " "